Finanças: DRE ou Fluxo de Caixa? Dilemas dos gestores empresariais – download

DRE x Fluxo de Caixa - download

Tendo em vista a proliferação de startups e MEIs pelo desaparecimento do emprego formal, muitos profissionais altamente qualificados ao empreender sofrem deste dilema.

Se nem os profissionais mais bem qualificados sabem resolver tal dilema, imaginem a quantidade de Micro e Pequenos Empreendedores que nem bem concluíram o primeiro grau sabe do que estamos tratando.

Numa recente apresentação da eminente executiva Luiza Helena Trajano, ela perguntou a uma plateia aproximada de 1.500 executivos:

“O que ¨QUEBRA¨ uma empresa mais rápida, prejuízos mensais consecutivos ou déficits de caixa constantes?”

Depois de pensar por alguns minutos, lembrei-me de outro dilema um pouco mais profundo.

Tratava-se de um cliente de implementação de ERP que interrompeu meu contrato em Indaiatuba, para contratar um consultor de PCP-Planejamento e Controle de Produção. Para resumir a história deste cliente (que já encerrou as atividades), um dia me disse:

“Acho que os meus sócios estão me roubando, mas não sei como!?!?!?”

Como tenho conhecimento e vivência em processos  de gestão, disse:

“Ninguém está te roubando. Veja onde está seu dinheiro: Estoque de Produtos Acabados, Produtos em Elaboração, Alto Índice de Refugo, além de conceder levar até 90 dias para receber, pois era o tempo de transporte e fechamento de câmbio de exportação e, ele tinha que fazer frente ao pagamento de Matéria Prima entre 30 e 45 dias e, Salários e Encargos em 30 dias.

RESUMO: Falta de capacidade de Financiamento de Capital de Giro, levando-o a tomar empréstimos bancários. Daí, já devem perceber o motivo da empresa a fechar.

Para trazer uma situação hipotética, vamos admitir as operações de uma entidade comercial que se inicia em 03/ago/2019, assim:

Atente que, estamos estabelecendo uma COMPRA MENSAL e VENDA MENSAL com um MARK-UP de 75%. Desta forma, observe que, para poder se integrar no mercado tem restrições de crédito. Pois precisa comprar com 60% a vista e 40% em 30 dias. Por outro, lado as Vendas são: 15% a vista, 20% em 30 dias, 25% em 60 dias e 40% em 90 dias.

Com esse cenário, veja o que provoca no DRE trazendo as Margens Líquidas para baixo em função dos Déficits consecutivos.

 

Observe que, para manter o nível de FLUXO DE CAIXA de acordo com as Premissas, os Empréstimos Rotativos e crescentes realizados no período, num montante de R$ 130 mil, gerando as Despesas Financeiras de R$ 6,5 mil, se considerarmos os R$ 1,5 mil sobre os R$ 31,15 mil tomados em dezembro/2019.

Voltando ao DRE podemos verificar que as Despesas Financeiras representam 3,63% da Receita Operacional Líquida, trazendo um Resultado Líquido para 8,25% da Receita Operacional Líquida.

Como está essa gestão financeira em sua empresa?

Quais são as atuais dificuldades que enfrenta?

Que ações decidiu tomar e como estão/foram os resultados?

Deixe suas respostas nos comentários aqui do blog e vamos analisar juntos com você.

Estamos à disposição, caso queira enviar sua Planilha DRE x FLUXO DE CAIXA FatorSyn! para uma verificação inicial.

Ah! Após preencher com seus dados corretos, fique alerta para nossa oferta que ganhará. Oferta válida por até 7 dias após o envio de seus dados. Avante!!

Preencha o formulário abaixo para o download da

Conheça nossos serviços especializados em mentorias e cursos em https://fatorsyn.com.br/capacitacao-mentoria/

Luiz Roberto Nascimento

0 responses on "Finanças: DRE ou Fluxo de Caixa? Dilemas dos gestores empresariais - download"

Leave a Message

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Projeto executado por Carolina Figueiredo Marketing Digital ©. Todos os direitos reservados.
Scroll Up